Empresas - Fios torcidos de algodão, tingidos - Portugal

Apurar a pesquisa:
Voltar
Resultados da pesquisa por : Portugal
1 Empresas
Descubra as nossas Empresas Top de Confiança

Enfios, Lda

A Enfios é uma recente empresa sedeada em 2007, na freguesia de Cortegaça, Portugal, cuja génese provem da ex Cordoaria Vicente R. de Oliveira, S.A. de quem adquiriu parte da sua maquinaria e parte do seu "know-how" de produção. Embora "nova" no mercado, esta empresa emprega pessoal com bastante experiência no ramo, o que contribui para uma produção eficiente e empreendedora, fundamental para o equilíbrio e funcionamento do nosso negócio. Somos dedicados à fabricação de cordas e fios de fiações naturais, linho, juta e algodão, usados maioritariamente em empresas de tratamento de carnes, calçado, passamarias, tapetes e comercialização para fins de amarração. Empresa também produtora de cordas e fios entrançados de Nylon e Poliéster, bem como cordões de borracha para diversos fins agrícolas, de lazer e de pesca. Com o propósito, da "qualidade", grande parte dos nossos produtos estão hoje, sujeitos a testes laboratoriais, onde a envolvência do produto e correspondentes substâncias microbiológicas (principalmente quando o seu fim envolve o contacto com alimentos), bem como a densidade e resistência das nossas fibras, são regularmente testados. Vemos o fornecimento do cliente como um estimulante desafio, e estamos por isso, sempre disponíveis a novas consultas, amostras, tabelas, sugestões... Fabricação de cordas e fios, naturais e sintéticos. - Cordas trançadas - Corda elástica - Corda para navios - Cordas de cânhamo - Cordas de sisal - Cordas de saltar - Cordoagem, cordeis, ... - Fio de juta - Fio de sisal - Fio de estores - Fios poliester - Fios torcido algodão - Fio de algodão grosso - Fio de algodão do Egipto - Fio de algodão Branco - Fios torcidos de linho - Fio torcido de canhamo - Fio torcido de juta - Fios para industria de calçado

  • Têxteis
  • Fios e fios torcidos, de fibras artificiais
  • Fios de poliamida...
Voltar ao topo